Credit
E essa saudade, em vez de morrer, me mata.
Colbie Caillat. (via readmitir)
Eu tenho pensamentos suicidas, constantemente. Eu planejo tudo, detalhadamente, cada fragmento, imagino minha própria morte. Em qualquer lugar, beco, teatros, escola, casa. Eu calculo as distâncias, procuro objetos, imagino as noticias no jornal, desejo acidentes incríveis. Eu não sei o que significa. Não quer dizer que eu queira morrer né? Eu tenho tanto pra viver.. Dizem que quando esses pensamentos começam, é porque sua alma já morreu. Diz ai alma, você ainda existe? Eu não quero parecer essas meninas depressivas, mas a morte, liberta tanto como achamos?
Mas eu não quero morrer; Maria Clara.  (via readmitir)
É realmente inexplicável que eu não tenha deixado de lado todos os meus ideais, porque eles parecem tão absurdos e impossíveis de se concretizarem. Mesmo assim eu os conservo, porque ainda acredito que as pessoas são boas de coração. Simplesmente não posso edificar minhas esperanças sobre alicerces de confusão, miséria e morte. Vejo o mundo gradativamente se tornando uma selvageria. Escuto o trovão se aproximando, cada vez mais, o que nos destruirá também; posso sentir o sofrimento de milhões e ainda assim, penso que tudo irá se corrigir, que esta crueldade também terminará. Enquanto isso, preciso adiar meus ideais para quando chegarem os tempos em que talvez eu seja capaz de alcançá-los.
O Diário de Anne Frank  (via readmitir)
Você é aquela pessoa em que eu decidi jamais deixar. É muito mais do que amor, muito mais do que gostar, carinho ou afeição. É algo que vai muito além do que qualquer sentimento, ou qualquer compreensão humana… É algo que apenas sinto, sinto que você deve permanecer em minha vida, para sempre.
Reciteis.  (via readmitir)
Nunca soube bem o que era certo, o que era errado, não existia uma lei, um limite, uma racionalização. Mas eu amava ele demais.
Gabito Nunes. 
Todo mundo tem um mundo particular.
Eminem. 
Talvez seja da minha natureza, não me sentir pertencendo a lugar nenhum, em nenhum lugar.
Chico Buarque.  
No se puede callar cuando se siente.
Fiodor Dostoievski  
De onde é que vem esses olhos tão tristes?
Paula Fernandes.  
Sou do tipo de pessoa que pensa pra caralho, mas na hora de falar se atrapalha todo e não sai nada que preste ou faça sentido.